A alegria incomparável de ver crescer uma criança

Aos quase 35 anos de vida posso perfeitamente afirmar que ver crescer a minha filha é um prazer absoluto e o maior regalo dos meus dias. É de facto uma alegria incomparável esta a de ver crescer uma criança. A minha. Vê-la conquistar pequenas vitórias diariamente. Assistir ao desbravar do mundo. À superação dos pequenos…

Imparável, indomável, incansável… ou a curta história de uma bebé que está a crescer assustadoramente depressa

É tudo isto e, simultaneamente, tanto mais. Vê-la crescer é um privilégio indescritível e pouco explicável numa linguagem que não contenha uma boa dose de suspiros, guinchinhos, sorrisos, gargalhadas tremendamente sonoras e em alguns casos descabidas, e um pouco de irrealidade tão própria de um pai completa e totalmente babado e a delirar com esta aventura…

Sim, sou pai há quase 9 meses e já me zanguei com a minha filha…

… mas lidar com o que vem depois não é fácil. Não é, de todo. Há momentos em que perdemos a paciência e nos deixamos levar por impulsos de intolerância que, regra geral, nem sequer sabemos porque acontecem de determinada forma. A muitos de nós interessa, porventura, encontrar a razão pela qual não fomos capazes…

Os médicos e as suas (reduzidas) capacidades de comunicação

O texto de hoje é inteiramente parcial e remeter-vos-à para uma ligeira indignação, totalmente justificada e fundamentada, mas muito própria de pais de primeira viagem. Isto é, inseguros, inexperientes, cautelosos e assustados q.b. Ora então vejamos: A tarde da última segunda-feira foi passada por inteiro no Hospital da Luz, em Lisboa. Calma, está tudo bem….

Amor de pai também é único, se é, minha querida filha

Está a crescer. Está a crescer tremenda e exponencialmente. Está a crescer de de uma forma que me esmaga e me faz engasgar quando nela penso, quando nela falo, ou quando simplesmente não estou a fazer nenhuma das coisas. Este sentimento cresce proporcionalmente à razão de tantos sentimentos novos descobertos na vertigem de cada dia…

O (terrível) choro da minha filha…

É oficial… ela chega hoje (dia 21/06) aos 30 dias de vida, ou seja, faz hoje 1 mês e a felicidade que sentimos é tremenda, avassaladora, incomparável. Mas é que é mesmo…!! Só que… aquele choro, Deus meu, aquele choro dá conta de nós… mas já lá vamos.Se pensaram (por breves momentos) que estes (quase)…

Agora (sim) somos três!

Julgo que não andarei muito longe da verdade se vos disser que a escrita – refiro-me a actividade física e mental no seu estado mais puro – é uma das grandes paixões (não físicas) da minha “atormentada” existência e, como tal, como qualquer escritor digno de assim se poder auto proclamar, passo grande parte do…

O papá anda preocupado!

Se anda. Confesso que começo a sentir-me apreensivo de cada vez que saio de casa para ir trabalhar e tenho de deixar a Ana aqui, sozinha, a braços com a hercúlea tarefa de se amanhar com aquela “barrigona” de tamanho verdadeiramente incrível. Não é nada fácil, digo-vos já. E não é fácil por motivos tão…

martimmariano: And so it begins… 🙈😅 Aproveitar as promoções de fraldas – ✔️ check #👶🏻 #babyiscoming #agoranosostres #dippers

Chegou o momento de… fazer o ninho!

…ou “Nesting” como preferirem. E muito há a dizer sobre este tema! Já vou no terceiro e último trimestre de gravidez e parece que quero virar a casa do avesso! Pobre coitado do meu marido! O grande problema é que a barriga já pesa muito e as costas já doem por igual, pelo que preciso…